Semana Estadual de Prevenção da Leishmaniose Visceral

0
60

Durante a semana Estadual de Prevenção da Leishmaniose Visceral, que ocorre de 09 a 14 de agosto, a Prefeitura Municipal de Nova Canaã Paulista através da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a Secretaria Municipal da Educação realizou campanha educativa com objetivo de sensibilizar a população sobre o diagnóstico e tratamento, cuidados com o meio ambiente para controle dos vetores e a guarda responsável dos animais de estimação, folhetos estão sendo entregues com orientação aos moradores nas visitas domiciliares.
Nesta sexta-feira (13 de agosto) foi realizado uma atividade de orientação e prevenção da Leishmaniose Visceral com as crianças da Escola Municipal Criança Feliz.
A atividade foi realizada pela equipe Cia Pipokas de Jales através de uma forma descontraída e alegre, orientaram as crianças sobre a doença, formas de transmissão, prevenção, tratamento.
As crianças participaram ativamente com perguntas e mostraram que entenderam a importância de cuidar dos animalzinho de estimação.
A Leishmaniose Visceral é uma doença grave que afeta animais e pessoas, é transmitida pelo mosquito-palha.
Para se prevenir da leishmaniose visceral é necessário evitar o acúmulo de matéria orgânica no quintal, não esquecer de embalar bem o lixo para descarte, manter o local que seu animal de estimação fica sempre limpo e bem cuidado, além de usar coleiras repelentes de mosquitos e evitar passeios a partir do anoitecer, porque é neste período que o mosquito age.
Em humanos caracteriza-se como uma doença crônica, sistêmica, com febre de longa duração, perda de peso, fraqueza e perda de energia, anemia, aumento de baço e fígado. Quando não tratada, pode evoluir para óbito em mais de 90% dos casos.
No cão, principal reservatório e fonte de infecção no meio urbano, a doença caracteriza-se por febre irregular, apatia, emagrecimento progressivo, descamação e úlceras na pele (especialmente no focinho e nas orelhas), conjuntivite, paralisia das patas traseiras, fezes sanguinolentas e crescimento exagerado das unhas.
Ao notar qualquer sintoma diferente no seu cachorro procure a Unidade Básica de Saúde de Nova Canaã Paulista, que o veterinário irá avaliar o mesmo em seu domicílio.